Conferências de Arouca

maio 2017 
"Como Habitar a Terra e Merecer o Futuro?

Tarefas e Desafios da Sustentabilidade num Mundo Globalizado”


Sumário:
Esta conferência irá abordar as razões pelas quais o maior desafio que a humanidade enfrenta, - que o orador costuma designar como crise global e social do ambiente (onde se incluem as alterações climáticas) - não pode significar uma ruptura com a globalização, mas sim uma reforma revolucionária do processo de mundialização, colocando os mercados ao serviço do interesse universal da sobrevivência da civilização e das condições de habitabilidade do planeta Terra que é a nossa única morada ontológica.

Sobre o Orador:
Viriato Soromenho-Marques (59) é professor catedrático de Filosofia na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. É membro da Academia das Ciências de Lisboa, e da Academia da Marinha. Tem desempenhado diversas funções em organizações da sociedade civil e órgãos consultivos na área ambiental, tanto em Portugal como no quadro europeu. Foi coordenador científico do Programa Gulbenkian Ambiente (2007-2011) e consultor da Comissão Europeia para as questões da Energia e Alterações Climáticas. Colabora com regularidade em vários órgãos da comunicação social e é autor de uma vasta bibliografia sobre temas filosóficos, ambientais e estratégicos.


Alguns registos fotográficos da Conferência

Notícias relacionadas:
Uma "cooperação compulsória" para gerir os bens comuns
"Como habitar a Terra e Merecer o Futuro?"

Referências nos Media:
Conferências de Arouca: "Como habitar a terra e merecer o futuro?", jornal Discurso Directo
"Como habitar a terra e merecer o futuro?", blogue Do Meu Mirante